Idosa de 92 anos morre asfixiada em incêndio causado por cigarro em colchão

Bombeiros suspeitam que vítima tenha deixado cigarro cair durante a madrugada desta segunda-feira (25), em Bauru. Chamas atingiram somente quarto da casa da idosa, no Jardim Redentora.

Por Carla Parezan 25/06/2018 - 09:09 hs
Foto: Reprodução/TV Tem
Idosa de 92 anos morre asfixiada em incêndio causado por cigarro em colchão
Quarto da idosa foi isolado para o trabalho da perícia em Bauru

Uma idosa de 92 anos morreu asfixiada durante um incêndio no quarto em que dormia, em Bauru, na madrugada desta segunda-feira (25).


De acordo com o Corpo de Bombeiros, as chamas atingiram somente o cômodo em que a vítima estava, que fica nos fundos da casa da família, no Jardim Redentora.


Ainda conforme os bombeiros, a suspeita é de que o incêndio começou após a idosa, identificada como Ana Aparecida Fernandes, deixar um cigarro cair no colchão. A família informou à polícia que a vítima morava sozinha na edícula.


Parentes e vizinhos notaram a fumaça saindo do quarto e conseguiram apagar as chamas antes da chegada dos bombeiros, mas a idosa já havia morrido por asfixiada, segundo a polícia. O local foi isolado pela Polícia Militar para o trabalho da perícia.

Bauru - g1.globo.com