Escolas do centro-oeste paulista ficam sem aulas em dia de paralisação

Em Bauru e Ourinhos, várias escolas não tiveram aula na manhã desta sexta-feira (14). Atos são contra cortes na educação e reforma da Previdência

Por Cristiane Gomes 14/06/2019 - 11:03 hs
Foto: Romeu Neto/Divulgação
Escolas do centro-oeste paulista ficam sem aulas em dia de paralisação
Manifestantes se concentram em frente a Câmara Municipal de Bauru

Em Bauru, escolas municipais e estaduais também foram afetadas. Segundo a Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) de Bauru, são mais de 50 escolas. As secretarias de Educação estadual e municipal não divulgaram balanço da adesão.

Ato em Bauru

Por volta de 9h, manifestantes começaram a se concentrar em frente à Câmara Municipal de Bauru. Professores, estudantes e trabalhadores estão reunidos no local.

Cerca de 100 pessoas foram até a frente ao prédio do legislativo, segundo a Apeoesp. Uma das faixas da avenida Rodrigues Alves está parcialmente interditada no sentido bairro centro. A Polícia Militar acompanha o ato que segue pacífico.

Bancos em Bauru

As agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil suspenderam expediente nesta sexta-feira.

As agências estão fechadas para atendimento ao público e logo na entrada há cartazes informando que o ato faz parte da paralisação contra a reforma da previdência.

Assis

Manifestantes começaram a se reunir na Praça da Catedral, no centro de Assis, por volta das 9h, com cartazes, faixas e carros de som. Em seguida, saíram em caminhada pelas ruas da região central.

Por G1 Bauru e Marília