Agosto Dourado alerta sobre a importância do aleitamento materno

Além de grupos de apoio, os Postos de Saúde estão à disposição para sanar dúvidas das mães

Por Camila Ramos 13/08/2019 - 15:47 hs
Foto: Imagem ilustrativa/Google
Agosto Dourado alerta sobre a importância do aleitamento materno
Agosto Dourado foi instituído pelo Congresso Nacional em abril de 2017, com a Lei nº 13.435/2017

O mês de agosto é voltado para a conscientização das mães sobre a importância do aleitamento materno. De acordo com a OMS – Organização Mundial da Saúde, o leite materno é o nutriente mais importante para a criança, deve ser iniciado na primeira hora após o parto e seguir com essa alimentação até os seis meses de vida.

Segundo Ana Helena Pinto, enfermeira do PAS Sonho Nosso, o aleitamento é de suma importância para o desenvolvimento da criança. “Um dos problemas para o sucesso é a insegurança da mãe em poder amamentar, o ‘relógio’ de que as mães têm que amamentar entre três a quatro horas. E também a pega correta, para que estimule os hormônios responsáveis pela descida do leite”, diz.

No Brasil, o Agosto Dourado foi instituído pelo Congresso Nacional em abril de 2017, com a Lei nº 13.435/2017. De acordo com a OPAS – Organização Pan-Americana da Saúde, apenas 38% dos bebês são alimentados exclusivamente com leite materno até os seis meses na região das Américas e só 32% continuam amamentando até os 24 meses.

Além disso, a saúde de Barra Bonita faz orientações para mães que tenham dúvidas sobre o aleitamento materno. “Além do grupo, eu trabalho no PAS do Sonho Nosso e estou à disposição para passar as informações necessárias para essas puérperas e mães que estejam com dúvidas.”, explica.

O leite materno é um alimento que ajuda no desenvolvimento da criança, sendo o alimento ideal para o bebê suprindo todas as necessidades nutricionais até os seis meses de idade, evitando problemas como a desnutrição. A meta da OMS é chegar 50% de amamentação exclusiva nos seis primeiros meses de vida até 2025.