PAT tem quase 4 mil currículos cadastrados

Apesar disso, poucas empresas procuram o Posto de Atendimento

Por Camila Ramos 15/08/2019 - 14:52 hs
Foto: Google Maps
PAT tem quase 4 mil currículos cadastrados
O PAT atende no mesmo local que o SEBRAE

Apesar do PAT – Posto de Atendimento ao Trabalhador de Barra Bonita ter quase 4 mil currículos cadastrados no sistema, poucos empregadores buscam esse serviço para preencher as vagas existentes em suas empresas. O PAT possui um sistema em conjunto com o Ministério do Trabalho que tem por objetivo oferecer às pessoas vagas de empregos oferecidas pelas empresas. Além disso, Posto oferece o serviço de entrada no seguro desemprego.

Poucas empresas e empregadores estão procurando o PAT para deixar em aberto vagas de emprego. “Acreditamos que como a cidade é pequena, as vagas que surgem são preenchidas mais rapidamente por conta do boca a boca. As pessoas ficam sabendo mais rápido sobre as vagas e como conseqüência é preenchida prontamente. O objetivo do PAT é de ser uma ponte entre a empresa e o empregador”, diz Paulo Sérgio Santilli coordenador do PAT.

De acordo com Paulo Sérgio Santilli, o sistema de cadastro funciona de forma digital. “O cidadão faz o cadastro pelo site e quando surge uma vaga naquele perfil, automaticamente já separamos aquele candidato para a vaga de emprego“, diz. O empregador também pode cadastrar as vagas disponíveis no site.

Para se cadastrar, o cidadão deve acessar o site do programa Mais Emprego do Ministério do Trabalho ou comparecer ao PAT munidos dos seguintes documentos: Carteira de Trabalho, RG, CPF, número de PIS e comprovante de residência. “Quem tem um bom entendimento, pode fazer em casa. Mas sugerimos que a pessoa venha até o PAT”, comenta.

Além de fazer o cadastro no sistema de emprego, o PAT de Barra Bonita também realiza a entrada do seguro desemprego sendo eles o formal, da empregada doméstica e o especial. “Quando o cidadão vem dar entrada no seguro desemprego, nós realizamos um cadastro no site do programa Mais Emprego. Se tiver alguma vaga naquele perfil, automaticamente nós enviamos o currículo para a empresa”, diz.


Paulo ainda explica que o seguro desemprego fica retido até que o cidadão dê um parecer se houve a contratação ou não da empresa. “Esse processo é obrigatório. Mas caso a pessoa não seja contratada, o seguro desemprego é liberado”, diz.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador fica aberto de segunda à sexta-feira das 8h às 11h e das 13h às 17h. O telefone para dúvidas é 3641-7424.